readysetgo-logo
Portuguese English

Braga / Guimarães

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6


    Braga é conhecida como um dos maiores centros religiosos de Portugal, cuja história se reflete nas inúmeras igrejas e monumentos, entre os quais se destacam a imponente Sé Catedral, com seus tesouros de arte sacra, e a Igreja de Santa Cruz, construída no sec. XVII, com sua exoberante fachada de pedra em estilo barroco. 
    Numa colina a cerca de 5 km a sudeste ergue-se ainda o Santuário do Bom Jesus do Monte, importante local de peregrinação e considerado um dos mais belos de Portugal, com sua famosa escadaria até à igreja, ladeada com encantadoras fontes e estátuas ao longo do percurso.
    O Jardim de Santa Bárbara é também um dos mais bonitos do país, com flores coloridas e plantas luxuriosas, e nos arredores da cidade pode ainda encontrar a Citânia de Briteiros, um dos locais arqueológicos mais bem conservados.
    Não muito distante, fica a simpática cidade de Guimarães, cidade histórica situada entre colinas e considerada o berço da nação portuguesa.
    Foi neste local que se estabaleceu o Condado Portucalense por D. Henrique e onde, nas periferias, em 1128, teve lugar a Batalha de São Mamede, cuja vitória se deve a D. Afonso Henriques – primeiro rei de Portugal. 
    Guimarães foi classificada pela UNESCO como Património Cultural da Humanidade e, em 2012, irá ser a Capital Europeia da Cultura, celebrando o evento com grande variedade de espetaculos, eventos e exposições.
    O horizonte da cidade é dominado pelo Castelo de Guimarães, construído no sec. X para proteger a cidade dos invasores, podendo ainda visitar o Mosteiro de Nossa Senhora da Oliveira, restaurado em 1385 por D. João I para comemorar a vitória da Batalha de Aljubarrota (acredita-se que foi aqui que se efetuaram os primeiros pontos daquele que viria a ser um dos bordados regionais mais bonitos do país – Bordados de Guimarães).
    Vale ainda a pena andar no teleférico do Monte da Penha e apreciar as soberbas vistas panorâmicas sobre Guimarães, ou visitar o Museu de Alberto Sampaio que tem algumas das mais belas peças de arte sacra, azulejos, pratas e esculturas do país.
    A melhor altura para disfrutar do ambiente medieval da cidade de Guimarães é na primeira semana de agosto, durante a qual se celebram anualmente as Festas Gualterianas, com importante merdado de artesanato ao estilo medieval, feira de artes e muita animação.
    Todo o distrito é famoso pelas suas festividades e gastronomia, com receitas tradicionais que incluem os famosos pratos de bacalhau e arroz de pato.


    turismo logos
    RNAAT n.º 152/2016